Últimas Notícias

News
Recentes

Carol Teles lança “Constelação de Gritos Mudos”, seu novo livro!

Alagoas
News
Recentes

Com xilogravuras de Luís Matuto, livro faz releitura da história de Zumbi dos Palmares

News
Recentes

Guilermo del Toro e Cornelia Funke lançam livro de “O Labirinto do Fauno”

Livraria Martins Fontes

Sequência de TODO DIA está prevista para fevereiro!

Publicado em 22 jan, 2016

Um dos mais inovadores autores de livros jovem adulto e o primeiro a emplacar uma trama gay na lista do New York Times, David Levithan retoma a sua mais emblemática trama em “Outro dia”. Aqui, a já celebrada — com várias resenhas elogiosas — história de Todo dia é mostrada sob o ponto de vista de Rhiannon. A jovem, presa em um relacionamento abusivo, conhece A, por quem se apaixona. Só que A, acorda todo dia em um corpo diferente. Não importa o lugar, o gênero ou a personalidade, A precisa se adaptar ao novo corpo, mesmo que só por um dia. Mas embarcar nessa paixão também traz desafios para Rhiannon. Todos eles mostrados aqui. A previsão de lançamento é para fevereiro. O OMD já resenhou Todo Dia. Confira um trecho:

Chega a ser absurdo o modo como me identifiquei com essa estória, mais precisamente com o personagem principal, o A. Todos os seus pensamentos e opiniões de alguma forma me representaram, em praticamente todas as situações, quase uma extensão de mim. Como vocês podem imaginar, o meu primeiro contato com a escrita do Levithan acabou sendo maravilhosa.

Tudo que A tem é o amanhã. A cada despertar o nosso protagonista se encontra em um novo corpo, vivendo uma nova vida, completamente diferente da que viveu ontem. Tem sido assim desde que nasceu e não há uma explicação para isso. Ele é uma espécie de hospedeiro indesejado, um andarilho. Ele pode ser uma garota hoje, um garoto amanhã, o corpo em si não importa, muito menos a raça, sexualidade ou religião, mas toda a complexidade que envolve ser alguém diferente todos os dias. Ele é ele mas é outra pessoa também. O passado não ofusca-lhe e o futuro não trás motivações. Ele nunca terá um relacionamento verdadeiro, construirá laços duradouros ou confiará segredos a alguém. Ele está só de passagem e o presente é o seu eterno destino. Conhecimento é a única coisa que leva consigo quando vai embora. Sua missão é enfrentar o dia sem mudanças que causem interferências na vida da pessoa. De duas coisas ele tem certeza: são sempre jovens com a mesma idade que a sua, 16 anos, que geralmente não lembram de nada sobre o dia em que emprestaram sua existência. Há apenas uma ideia vaga de como o dia fora sem grandes detalhes específicos. E nunca o mesmo corpo, não há repetição.

Leia mais de 4 milhões de livros no seu e-book. Os melhores e-books do mundo estão aqui

Recomendados para você

Deixe seu comentário