Últimas Notícias

News
Recentes

Carol Teles lança “Constelação de Gritos Mudos”, seu novo livro!

Alagoas
News
Recentes

Com xilogravuras de Luís Matuto, livro faz releitura da história de Zumbi dos Palmares

News
Recentes

Guilermo del Toro e Cornelia Funke lançam livro de “O Labirinto do Fauno”

Livraria Martins Fontes

[Resenha dupla] Darth Vader e filho/ A princesinha de Darth Vader – Jeffrey Brown

Publicado em 08 ago, 2015

Darth Vader e filho/ A princesinha de Darth Vader – Jeffrey Brown
Ano: 2015
Páginas: 64
Idioma: Português
Editora Aleph
Classificação: 
Páginas do livro no Skoob: Filho/ Princesa

Em uma releitura divertida e encantadora, Darth Vader é um pai como qualquer outro, exceto pelo fato de ser o Senhor Sombrio dos Sith. Com ilustrações de Jeffrey Brown, o livro apresenta as alegrias da paternidade por meio da lente de uma galáxia muito, muito distante. Nesses volumes, o líder do Império Galáctico, enfrenta os dramas, alegrias e mudanças de humor de sua filha Leia, acompanhando a transformação de uma doce menina em uma adolescente rebelde, e as aventuras de Luke Skywalker desde os quatro anos de idade.

 Resenha:
Quem acompanha o OMD deve ter percebido que as resenhas da série Star Wars são feitas pela minha amiga, blogueira, escritora, mãe e maravilhosa Carol Teles (Leia aqui!). Logo, fica fácil deduzir que nunca li absolutamente nada sobre a saga. (Repassei essa responsabilidade para alguém que ama e tem papada para julgar todas essas sequências lançadas. Justo, não?). Porém, quando recebi as duas HQs do Darth Vader com os filhos rebeldes tive que folheá-las. Acabei lendo os dois por completo e cá estou para dar minha opinião, singela, mas sincera: a editora Aleph quer mesmo falir todos os fãs de George Lucas.

Quem tem um pai nerdão (ou não), cheio das referências e que adora o lado negro da força (ou não também), provavelmente deve considerar como presente as tirinhas de Jeffrey Brown. Elas foram lançadas nos últimos dois anos lá fora e já ganharam prêmios importantes dentro desse segmento, como o Eisner na categoria “humor”, por exemplo.

A publicação da Aleph segue o formato livro de bolso com capa dura e chama atenção pela parte gráfica mesmo. É apaixonante! Dá para imaginar um dos maiores vilões da história dos cinemas enfrentando todos os dilemas que a criação de dois filhos envolve? Parece sem graça, mas não é. Brown traz todos esses probleminhas para o universo galáctico, inserindo droides, wookiees, destróieres estelares e todos os questionamentos que uma nave de nome Estrela da Morte pode incitar na cabeça de Luke Skywalker aos quatro anos.

Se a edição com o herdeiro de Vader está repleta de situações constrangedoras, a princesa Leia faz questão de disparar na frente nesse quesito em sua vez. Na verdade é tudo mais divertido. As situações focam mais em uma Skywalker adolescente. Traduzindo: temos ela indo de pijama para a escola (estilo), declarando-se para Han Solo (é um relacionamento conturbado), abusando das roupas curtas (sim, Vader não é tão cabeça. Dá para acreditar que ele a proíbe de sair de casa assim?) e claro, fazendo uma dupla perigosíssima com Luke por toda a galáxia.

Se eu, um leigo nesse mundo, me vi encantando com os traços, as referências e todo o cuidado demonstrado nesses livros, avalie quem é fã e manja tudo sobre Star Wars? Que a força esteja com você.

Leia mais de 4 milhões de livros no seu e-book. Os melhores e-books do mundo estão aqui

Recomendados para você

Deixe seu comentário