Últimas Notícias

News
Recentes

Carol Teles lança spin-off gratuito de A Mais Bela Melodia na Amazon!

News
Recentes

Adaptação de Dumplin’ ganha trilhada sonora com Sia e Dolly Parton

News
Recentes

Vox é distopia sobre mulheres silenciadas e feminismo. Conheça!

Livraria Cultura - Clique aqui e conheça nossos produtos!

[Resenha] O Teste – Joelle Charbonneau

Publicado em 11 jun, 2014

O Teste – Joelle Charbonneau 
Editora: Única
ISBN: 9788567028231
Ano: 2014
Páginas: 320
Classificação: 
Página do livro no Skoob

No dia de formatura de Malencia ‘Cia’ Vale e dos jovens da Colônia Cinco Lagos, tudo o que ela consegue imaginar – e esperar – é ser escolhida para O Teste, um programa elaborado pela Comunidade das Nações Unificadas, que seleciona os melhores e mais brilhantes recém-formados para que se tornem líderes na demorada reconstrução do mundo pós-guerra. Ela sabe que é um caminho árduo, mas existe pouca informação a respeito dessa seleção. Então, ela é finalmente escolhida e seu pai, que também havia participado da seleção, se mostra preocupado. Desconfiada de seu futuro, ela corajosamente segue para longe dos amigos e da família, talvez para sempre. O perigo e o terror a aguardam. Será que uma jovem é capaz de enfrentar um governo que a escolheu para se defender?

Resenha:
Os Sete Estágios da Guerra foram responsáveis por uma destruição massiva da sociedade. Lagos e oceanos foram contaminados, a terra deteriorou-se e o fracasso se instalou.  Bombas e tempestades de ar radioativo, ondas gigantes e pessoas mortas, cidades foram destruídas e tecnologias extintas, milhares de pessoas mortas numa guerra causada pelo próprio homem que lutou contra si próprio e perdeu para a terra. Nesse cenário tudo é governado pela Tosu City, a Comunidade das Nações Unificadas, que divide o que restou da sociedade em dezoito Colônias.

Cia é nossa protagonista e vive na Colônia Cinco Lagos, uma comunidade meio que esquecida pela Tosu City. Sua formatura se aproxima e isso é sinônimo de O Teste. Mas em que consiste O Teste? Todos os formandos são analisados levando em consideração a sua formação, os melhores vão a Tosu City para realizar um teste para adentrar à universidade. Os escolhidos são vistos como honrados, como a grande esperança para restaurar tudo que foi perdido com as guerras. Adivinhem… Cia é selecionada e sabe o que isso significa. Ela irá para onde a Comunidade das Nações Unificadas julgar necessário seus talentos, ela não voltará para casa nunca mais…

A aparente sensação de progresso e paz que circunda a colônia juntamente aos muros gigantes que protegem a população dos animais mutantes e demais perigos se mostrará fragilizada. Não será fácil para Cia abandonar sua família por algo que não é dono de suas certezas. Após seu pai, ex-aluno da universidade, revelar segredos obscuros e aconselhá-la a não confiar em ninguém, Cia parte de sua colônia com mais 4 selecionados para competir contra 108 formandos no total. Ela rapidamente passou de uma criança para tornar-se uma adulta. Sozinha e dona não apenas de seu futuro, mas do futuro de sua família. Cada passo e atitude tomada durante os testes será decisiva para sua vida. Ou sua morte.

“Água. Contaminada? Provavelmente, mas tenho meu kit para lidar com isso. Pela primeira vez no dia, sinto um alívio.
Então o mundo explode.” Trecho da página 167

Não vou revelar mais informações sobre o funcionamento do Teste, acredito que o maior barato de se ler distopias é descobrir como a sociedade governa, quais os perigos envolvidos e nesse caso, quais os testes , de fato, a serem enfrentados. Adianto que são várias fases que testarão capacidades e princípios. Um deles parece querer saber qual candidato é capaz de matar e viver bem com isso. Cia será capaz de matar um concorrente se for necessário? Como eu disse, Cia foi para Tosu City com mais 4 jovens de sua colônia, entre eles está Tomas. Sim, pessoal, teremos um romance, mas calma que esse não é o foco da trama. O time de personagens é variado e sustenta bem a falta de reviravoltas surpreendentes no enrendo. Não me vi entediado porém a leitura poderia ter sido mais rápida se houvessem mais elementos que me tirassem o fôlego.


O Teste tem um grande potencial de melhorar com os próximos volumes, os capítulos finais são super instigantes. A narrativa é feita em primeira pessoa por Cia e nos torna íntimos de seus medos e vontades, ela é uma boa protagonista que cresce no decorrer da narrativa. Admito que os vilões são mais interessantes e as interrogações que surgem no desenvolvimento da estória deixam uma pulga atrás da orelha. Cia acabará confiando em pessoas e tomando decisões. Basta sabermos se serão atitudes sensatas ou corretas no futuro…

Distopia é aquele gênero mais que necessário em minha estante, sempre estou precisando de uma dose. Se você é fã do gênero, O Teste é uma ótima pedida.

Leia mais de 4 milhões de livros no seu e-book. Os melhores e-books do mundo estão aqui

Recomendados para você

Deixe seu comentário