Últimas Notícias

Recentes
Resenhas
TERROR

“O Cemitério”, de Stephen King, é de fazer qualquer um ter pesadelos. Saiba mais!

News
Recentes

Aleph divulga capa de “A Última Colônia”, de John Scalzi

News
Recentes

Conheça “Vilão”, uma história sobre inveja, desejo e superpoderes!

Livraria Martins Fontes

[Resenha] Após a tempestade – Karen White

Publicado em 06 set, 2013

Após a tempestade – Karen White
Editora: Novo Conceito
ISBN: 9788581632230
Ano: 2013
Páginas: 416
Classificação: 
Página do livro no Skoob

Quando Julie tinha 12 anos, sua irmã mais nova desapareceu e nunca mais foi encontrada. Uma perda que corroeu os laços familiares e deixou sua mãe obcecada pela busca da irmã. Já adulta e com um prestigiado emprego, Julie conhece Monica, que a faz lembrar muito de sua irmã desaparecida há 17 anos. Elas se tornam melhores amigas, uma amizade que começa como um processo de cura para Julie. No entanto, uma fatalidade abate a amizade e Julie se vê responsável pelo filho de Monica. Ela decide levar o menino para Biloxi, Mississippi, para encontrar a família que ele não conhecera. A partir dessa viagem, Julie descobrirá segredos que estão ligados a sua família e seu passado…

Resenha:
Tudo que Julia Holt fizera  nos últimos dezessete anos fora em estado de inércia, sua irmã, Chelsea, desaparecera quando tinha doze anos de idade e desde então não há notícias suas, a vida de Julie foi marcada por essa tragédia e ela teme que se dedicando a outra coisa, isso a impeça de encontrar a irmã.Visitar sites de desaparecidos procurando por pistas é uma rotina, ela nunca desistirá, sua mãe morrera sem encontrar a filha, ela deve isso a si mesma. Quando a sua melhor amiga, Mônica, morre de uma doença cardíaca, deixando para ela seu filho,o pequeno Beau, e uma casa em Mississipi, Julie se vê diante de mais um desafio. Mônica fugira de sua família anos atrás, os motivos nunca foram revelados pois ela não gostava de tocar no assunto. Agora com o filho da amiga sob seus cuidados, Julie não terá escolha, tendo que se encontrar com a família Guidry.

A casa herdada é chamada de River Song e não é bem uma casa, não mais. O furacão Katrina a destruíra, tudo que restara foram escombros e lembranças. Julie, conhecerá o irmão de Mônica, Trey e sua vó, Aimee, agora ela tem decisões a tomar. Acerca de seu futuro, do futuro de Beau, das ruínas de River Song. Fica claro que Mônica gostaria que Beau vivesse no mesmo lugar onde ela passara uma infância feliz, mas será que reconstruir um lar em um local tão vulnerável é viável? Certo? Dois furacões destruíram aquela costa e outro poderia surgir e fazer o mesmo.

Temos duas narradoras no enredo: Julie, onde vamos ver ela tomando as rédeas de sua vida, se apaixonando e pertencendo a algum lugar. Ela desenvolverá um romance com Trey e conhecerá a fundo as marcas deixadas por um desastre natural, renascendo das cinzas como uma fênix. A autora fez um lindo trabalho retratando os furacões que devastaram a Costa do Golfo, é tocante e de uma sensibilidade imensa. Porém, o livro me ganhou mesmo nas narrações de Aimee, avó de Mônica e Trey. Vamos conhecer sua estória, seus verões desde pequena, sua mãe assassinada e seu coração sendo disputado pelos irmãos Gary e Wes. Acreditam que não consegui torcer por nenhum dos dois? Geralmente sempre tenho um preferido, a autora criou personagens cativantes. É simplesmente envolvente, não consegui largar o livro sempre querendo saber mais e mais. Óbvio, as narrações se conectam, Mônica acabara descobrindo uma verdade abominável sobre sua família, algo que a fez fugir. Com o passado de Aimee e o presente de Julie indo de encontro, descobriremos juntos toda a verdade. Até o desfecho saberemos quem matara a mãe de Aimee, e claro, com quem Aimee se casara. Aposto que você não largará até a última página ter sido lida.

Comecei a leitura ansiando um suspense policial, algo frenético que me deixasse vidrado na busca de Julie pela irmã desaparecida, afinal a sinopse e capa do livro me remetem a um thriller. Porém acabei adentrando numa estória com traços dramáticos contada em mais de quatrocentas páginas onde a mesma mensagem poderia ter sido passada com muito menos volume. Alguns momentos são bem desnecessários e tornaram a leitura enfadonha mas como disse acima, as narrações de Aimee movem as páginas. Comece sem grandes expectativas e se delicie na leitura. Eu deduzi várias coisas antes do fim mas estou satisfeito.

Leia mais de 4 milhões de livros no seu e-book. Os melhores e-books do mundo estão aqui

Recomendados para você

Deixe seu comentário

11 Comentários

  • GonçalvesSue
    07 fevereiro, 2014

    Gostei da resenha Felipe, achei interessante o enrendo, embora não curta coisas trágicas, gosto de ver fatos ocorridos pela visão de outras pessoas. Sempre fico imaginando como um fato é visto por duas pessoas diferentes.. E olhando capa não imaginava esse enrendo..

  • Maria Clara
    07 dezembro, 2013

    Adorei sua resenha mas não sei se leria, não curto muito.

  • Poison Girl
    04 outubro, 2013

    Eu vi este livro vendendo em uma super promoção que está tendo no shopping da minha cidade eu estava um pouco em duvida se o comprava, o preço estava muito bom: 9,90. Acabei não comprando, mas depois de ler sua resenha vou correr lá e comprar antes que a promoção acabe! Esse livro faz tanto o meu estilo! Drama+Romance=Jéssica surtando! auhsuahsuahs

  • Thales
    24 setembro, 2013

    To muito curioso pra ler um outro livro dessa mesma escritora, De Volta Para Casa, que me chamou muita atenção!

  • Ariana Oliveira Gomes
    20 setembro, 2013

    Putz, jura que é sobre isso a história? Poxa, tô com muita vontade de ler esta autora, ainda mais depois do lançamento do outro livro dela DE Volta Para Casa (acho que é esse o título), é aquele com uma capa linda de uma moça olhando para Deus sabe aonde. kkkkkk… Sou muito zarra, JESUS!
    Acho que não começarei lê-la por esse que você resenhou.

  • Ingrid Joyce
    08 setembro, 2013

    Nossa, não me surpreendeu não 😀 mais a resenha ta ótima. Bjus!

    sonholiterario.blogspot.com

  • Larissa
    07 setembro, 2013

    Dois pontos de vista deixa o livro com mais suspense…Pelo menos é o que eu penso
    Isso é legal, eu fiquei curiosa 😉
    Essa escritora tem mais algum livro lançado??

  • Thales
    07 setembro, 2013

    Muito boa resenha! Mas o livro não me chamou atenção.

  • Geovany Smith
    07 setembro, 2013

    A capa já chamou atenção

  • Yasmin
    07 setembro, 2013

    Oie,Felipe.Já conhecia esse livro por alto,mas só agora li uma resenha sobre o mesmo.Confesso que o enredo não me cativou mto,pois o achei MTO dramático e meio clichê com o romance da personagem Julia Holt,com o irmão da sua amiga que morrera, Trey.Só de saber que a história tbm em si se arrasta, com momentos desnecessários, me fez não querer ler o livro.Esse eu passo rsrs.
    Bjos 🙂

  • Anônimo
    06 setembro, 2013

    Oi Felipe!!Um livro que já suspeitava que seria bom, a julgar pelo título e pela bela capa, e não me enganei. Gosto de livros com tramas com tragédias pessoais e superação, onde personagens encontram apoio uns nos outros e suas histórias se misturam. Uma pitada de mistério segura o interesse do leitor e eu fico curiosa até a última página.